Ejaculação Precoce: Causas, Sintomas E Tratamentos E O Tratamento | Débora Martins | Sexóloga

Ejaculação Precoce: Causas, Sintomas e Tratamentos

A Ejaculação Precoce é uma queixa que acomete muitos homens e ocorre quando um indivíduo ejacula antes do esperado durante o ato sexual.

Quando isso ocorre de maneira esporádica, geralmente não há grandes motivos para preocupação e receio. Mas, se o problema é mais recorrente é interessante recorrer à ajuda, como por exemplo em Terapia Sexual.

Um em cada três homens sofre com a Ejaculação Precoce, por isso a busca por esse tratamento aqui no meu consultório cresce a cada dia, isso é devido os relacionamentos estarem em mudanças o tempo todo.

As mulheres tem cada vez mais presença na relação sexual e os homens naturalmente se sentem incomodados e procuram por ajuda para melhorar o desempenho sexual.

Para poder compreender isso de maneira mais efetiva, é interessante se aprofundar no tema! Isso envolve conhecer as possíveis causas, consequências e o mais importante, tratamento.

Veja mais detalhes sobre a ejaculação precoce no decorrer desse conteúdo e, tenha acesso a informações relevantes.

O que é Ejaculação Precoce?

A Ejaculação é considerada Precoce quando ocorre mais cedo do que um homem ou sua parceria gostaria durante o sexo.

Ser chamado de “rápido demais” pode ser frustrante, além de tornar o sexo menos agradável, afeta os relacionamentos, causando crise na maioria deles, isso porque a relação sexual se torna insatisfatória.

Muito se pergunta sobre qual o tempo ideal para cada relação sexual, mas na verdade não há tempo definido para quanto tempo um homem deve “durar” durante o sexo.

A média de tempo de uma penetração satisfatória, segundo estudos americanos, é de seis a dez minutos. Considera-se precoce aquela que acontece antes de um ou dois minutos de penetração.

Cerca de 30% a 40% dos homens sofrem com a Ejaculação Precoce

O principal fator a ser considerado na relação sexual é o prazer tanto do homem quanto da mulher, se você é homem e sai insatisfeito, gostaria de ter aproveitado mais da penetração e não consegue porque a ejaculação acontece antes da hora, então você precisa de ajuda para “aguentar mais”.

É importante você saber que ejaculação é controlada pelo sistema nervoso central, ou seja, quando os homens são estimulados sexualmente, os sinais são enviados para a medula espinhal e o cérebro, logo também para os órgãos reprodutivos. Isso faz com que o sêmen seja liberado através do pênis.

A ejaculação tem 2 fases: emissão e expulsão

Emissão: A emissão ocorre quando o esperma se move dos testículos para a próstata e se mistura com o fluido seminal para produzir sêmen.

Os vasos deferentes são tubos que ajudam a mover o esperma dos testículos pela próstata até a base do pênis. (Quando você está falando de apenas um desses tubos, ele é chamado de ducto deferente.)

Expulsão: Expulsão é quando os músculos da base do pênis se contraem. Isso força o sêmen para fora do pênis. Geralmente, a ejaculação e o orgasmo (clímax) acontecem ao mesmo tempo.

Alguns homens chegam ao clímax sem ejacular. Na maioria dos casos, as ereções desaparecem após esta etapa, e o corpo de recuperada para um novo Ciclo de resposta sexual.

Ejaculação precoce e disfunção erétil (DE)

Às vezes, a EP é um problema para homens que têm problemas com a Disfunção Erétil Psicológica. É quando os homens não conseguem obter ou manter uma ereção firme o suficiente para o sexo.

É comum encontrar homens que relatam sofrer de Ejaculação Precoce quando na verdade sofre com a Disfunção Erétil Psicológica.

Assim, chamamos a Ejaculação Precoce de problema secundário, ou seja, é desencadeada à partir da ausência da ereção ou até mesmo de o medo de falhar.

Qual a Diferença Entre a Ejaculação x Orgasmo

Muitos de vocês não sabem essa diferença, e vou te explicar para que fique claro e você entenda como funciona de maneira simples o ato sexual, principalmente a ejaculação e o orgasmo.

Então, vamos lá!

O que é o orgasmo

orgasmo é uma das fases do ciclo de resposta sexual humana que corresponde ao momento de maior prazer sexual. Ele representa o ápice do prazer.

Resumindo, um orgasmo é a sensação que o homem tem com a contração do pênis, da próstata e da região pélvica. A principal característica do orgasmo masculino é uma contração, seguida de um enorme relaxamento. Isso faz com que todos os músculos do corpo sejam relaxados, liberando toda a tensão que há entre eles.

O orgasmo oferece benefícios para além do prazer em si. Ele libera endorfinas, que são analgésicos naturais e oxitocina, que faz você se sentir mais conectado com sua companheira.

Uma pesquisa revelou que os homens que têm relações sexuais dentro de um relacionamento, proporcionalmente tem mais prazer do que aqueles que transam sem compromisso.

O que é a ejaculação

Já a Ejaculação tem como principal objetivo a fecundação, permitindo que, durante o sexo, os espermatozoides presentes no sêmen alcancem o óvulo.

Tipicamente após a ejaculação ocorre o período refratário, ao longo do qual não há resposta a estímulos sexuais e, portanto, não vai ocorrer outra ejaculação, ou se acontecer, ela demora um período maior.

Quais são as causas da ejaculação precoce?

Primeiramente, é importante destacar que não há uma só causa para definir esse problema. Além disso, não existe uma maneira única de concluir esse sintoma, que é a ejaculação rápida.

Isso porque boa parte das questões que permeia a ejaculação precoce são até hoje estudadas pela ciência, é claro que quanto mais se estuda sobre o caso, mais informações temos a cada dia. E através de muitas pesquisas e estatísticas, inclusive no consultório, nós especialistas podemos verificar algumas causas mais comuns.

Entre os muitos possíveis motivos, podem-se destacar fatores de cunho psicológico, como:

Há também alguns fatores de cunho biológico, como:

  • Atividade fora do padrão do sistema ejaculatório;
  • Genética;
  • Distúrbio de tireoide;
  • Níveis hormonais que estejam acima do padrão comum;
  • Danos relacionados ao sistema nervoso, que podem ocorrer devido a experiências traumáticas ou por meio de cirurgias;
  • Níveis de neurotransmissores acima do padrão comum;
  • Infecção ou até mesmo inflamação na uretra e próstata.

Sintomas da Ejaculação Precoce

  1. Sentir uma vontade forte de ejacular logo no inicio da penetração, antes da mulher atingir o orgasmo.
  2. Precisar desacelerar ou parar o ato, durante a penetração, para não ejacular antes da mulher atingir o orgasmo.
  3. Precisar pensar em “outras coisas” ou “brigar com o cérebro” durante a penetração, para não ejacular antes da parceira ter prazer.
  4. Perceber que a mulher não está alcançando o orgasmo durante as relações.
  5. Perceber que a parceira está insatisfeita, tendo pouco prazer durante as relações sexuais ou até mesmo evitando o sexo.

Esses são os sintomas mais comuns, porém é importante destacar e analisar se a parceira sofre com Anorgasmia, pois caso a mulher tenha dificuldades em atingir o prazer, é fundamental um tratamento do casal.

A ejaculação precoce é muito comum em adolescentes e pessoas no início da vida sexual. A ajuda e compreensão da parceira é essencial para não se criar um peso excessivo sobre o fato. Conforme o homem vai ficando mais à vontade com a vida sexual, ele começa a ter maior controle sobre a sua ejaculação.

Leia sobre: O que é Nofap

Quando se fala em problemas na ejaculação, é preciso avaliar cada detalhe e, saber o tipo é o principal ponto de partida, isso porque em terapia sexual online ou presencial é fundamental termos essas informações para que o tratamento seja eficaz.

O tema (como todos que envolvem a sexualidade) é bem amplo e por isso, existem diferentes classificações para a ejaculação precoce.

  • Ejaculação Primária: A ejaculação primária é o tipo mais comum, atrapalhando o desempenho durante toda a vida sexual do homem, sem que este tenha conseguido controlar o momento de ejacular em suas relações. Essa patologia médica é tão frequente que, segundo estudos recentes, um em cada três homens sexualmente, ejacula mais rápido do que gostaria.
  • Ejaculação Secundária: Por sua vez, a ejaculação secundária caracteriza-se pelo surgimento na vida do homem em determinado momento depois de várias relações bem sucedidas. Os dois tipos de ejaculação precoce devem ser tratados de forma séria, com o auxílio de um acompanhamento médico.
  • Situacional: No caso de só ocorrer em determinada situação, por exemplo, com uma parceira específica.
  • Variável: Ocasionalmente experimenta uma ejaculação precoce. Não é um problema, mas uma variação do tempo de ejaculação do homem.
  • Ejaculação precoce subjetiva: Onde existe um tempo de controle acima do limite de dois minutos, mas o paciente tem muita insatisfação com a duração do coito.

Como é diagnosticada a ejaculação precoce?

A Ejaculação Precoce é diagnosticada sempre na primeira conversa em terapia sexual, isso porque é feita várias perguntas sobre a vida do pacientes, assim como as experiências sexuais, isso nós terapeutas chamamos de anamnese.

Com base nas suas respostas, fornecemos um diagnóstico e junto o programa de tratamento. Aliás, tratar a Ejaculação Precoce é umas das disfunções sexuais com resultados mais rápidos experimentados na clínica, por volta de 8 sessões os pacientes já conseguem ter um controle da ejaculação.

Existem maneiras de prevenir a ejaculação precoce?

Alguns hábitos e métodos podem sim ajudar a prevenir e fazer com que o homem possa aguentar o tempo necessário para a sua satisfação sexual e também da parceria.

Nesse caso, é válido destacar alguns passos simples e que podem ser incluídos na rotina, como:

  • Treinar os músculos pélvicos (contraia a musculatura e relaxe por 4 segundos);
  • Evite se permitir à pressão sexual e afaste as frustrações da sua mente;
  • Procure apostar em posições sexuais que contribuam para que se mantenha o controle da relação, como força e intensidade com a finalidade de retardar a ejaculação;
  • Respire, converse e mantenha uma boa comunicação com a sua parceira ou parceiro.

Lidar com a tensão e o estresse

Tanto o estresse quanto a tensão muscular podem estar associados a questão da ejaculação precoce, sabia? Por isso, é importante evitar ao máximo que ambos interfiram em sua vida!

Para tanto, a dica nesse sentido é procurar levar uma vida essencialmente saudável, estabelecendo uma rotina de atividades físicas.

As atividades físicas ajudam potencialmente a lidar com questões de caráter cardiovascular e até mesmo circulatórias. E, esses são dois grandes trunfos para uma boa vida sexual!

As atividades ao ar livre também são excelentes e ainda permitem diminuir os sintomas da ansiedade, baixando por exemplo o Cortisol que é o hormônio do estresse, que quando em alta, interfere no desempenho sexual.

Certamente buscando meios de levar uma vida mais saudável e ativa você logo perceberá os resultados. Os benefícios satisfatórios também são muito evidentes, ou seja, apostar nessa conduta é importante!

Outros Tipos de Ejaculação

Anejaculação

A falta de ejaculação pode ocorrer devido a anormalidades na produção ou estocagem do sêmen, ou a condições que afetem o processo de expulsão. Causas psicológicas são comuns, mas, se um homem nunca ejaculou, deve-se suspeitar de uma causa orgânica. Anomalias congênitas, como ausência de vesículas seminais ou glândula prostática, podem ser responsáveis, apesar disto ser muito raro.

Ejaculação Retrógrada

Mais rara, é um tipo de ejaculação quando o sêmen viaja para trás na bexiga em vez de através da uretra. Os principais sintomas incluem: pouca ou nenhuma produção de sêmen, urina turva logo após ter relações sexuais. Homens com ejaculação retrógrada experimentam a sensação de um orgasmo e a condição não representa um perigo para a saúde, mas pode afetar a capacidade de engravidar a parceira.

Ejaculação Retardada

É uma disfunção sexual ainda pouco conhecida do grande público e pouco comentada. Porém, quando não é tratada, pode causar muitos transtornos.

Ao contrário da ejaculação precoce, esse transtorno consiste na demora para que o homem chegue ao orgasmo. Em alguns casos, o ápice sexual nem mesmo chega a acontecer.

Alguns homens consideram essa dificuldade vergonhosa. Porém, ela não deve ser ignorada, já que pode ser sinal de problemas físicos e até mesmo psicológicos. Caso seja recorrente, esse problema merece ser bem investigado.

Conheça o exercício de Kegel

O exercício de Kegel, também conhecido como Pompoarismo Masculino, consiste no treinamento do músculo pubiococcígeo (músculo PC). Tal músculo existe tanto no homem quanto na mulher e agrega o mesmo efeito.

Pompoarismo Masculino

O exercício é basicamente contrair e relaxar a musculatura que fica concentrada no períneo.

Eu recomendo os exercícios Kegel, pois essa técnica apresenta os melhores resultados em meu consultório, aliada a Terapia Sexual, a ginástica íntima masculina proporciona excelentes resultados em clínica.

E como a terapia sexual pode ajudar?

Como já mencionamos anteriormente, a ejaculação precoce consiste em um tipo de transtorno sexual. Ou seja, o homem acometido por esse problema tende a ejacular antes do momento ideal.

Vale destacar que esse é um problema que afeta aproximadamente 29% dos homens. Embora não seja um problema substancialmente grave, ainda assim causa muito sofrimento e dificulta os relacionamentos.

A terapia sexual é uma grande aliada no processo de acompanhando do quadro de ejaculação precoce. Nesse caso, o tratamento poderá depender da duração do transtorno.

Tratamento Para Ejaculação Precoce

Além disso, a terapia deverá ser totalmente focada em se atribuir algumas mudanças de hábitos sexuais. Além de desmistificar crenças que são adquiridas ao longo da vida.

Para tanto, nós os sexólogos, dedicamos todos os esforços para orientar boas estratégias acerca do controle da ejaculação.

Tais estratégias podem incluir uma maior atenção referente às atividades sexuais que sejam anteriores à penetração. O mesmo será levado em conta para a estimulação do prazer.

O terapia sexual irá ajudar na compreensão sobre a importância não somente de receber, mas também dar prazer. Diante disso, será evidenciado como isso pode ser feito em diversas partes do corpo e uma autodescoberta.

A terapia pode ser feita também em casal, onde serão abordados exercícios que favoreçam a intimidade e também a comunicação.

Ou seja, o foco não será mais se a ejaculação precoce pode ou não ser devidamente controlada! O que contará nesse processo é a percepção da sensação de prazer que se pode obter.

Outro ponto relevante é que os pacientes poderão ainda aprender a ter uma melhor percepção sobre seu corpo. Isso ficará mais evidente diante do momento da ejaculação.

Temas que poderão ser abordados durante a terapia

Para exemplificar melhor como a terapia pode ajudar em um quadro de ejaculação precoce, é importante entender as abordagens propostas.

Veja abaixo o que o processo da terapia poderá ajudar:

  • O paciente poderá dar mais importância às preliminares:

Grande parte dos homens acredita que a maneira mais rápida de obter prazer é atingir logo o orgasmo. Mas, infelizmente, esse pode ser considerado um hábito que acarreta frustração e também desapontamento para o casal.

Por isso, no decorrer da terapia sexual, será possível compreender a importância do desejo e excitação antes da relação. Ou seja, a importância das preliminares e o conhecimento sobre o seu corpo, expectativas e respeito próprio.

  • Investir em autoconhecimento:

Vale reforçar que a terapia é uma aliada para que sejamos capazes de nos conhecer muito melhor! Isso porque, conhecer o próprio corpo é um passo fundamental para o tratamento da ejaculação precoce.

Esse autoconhecimento vai além do corpo, em terapia sexual o autoconhecimento é aprofundado para como funciona as sensações do corpo e cérebro frente aos estímulos sexuais.

Mesmo se tratando de um tabu social, a masturbação é um dos métodos mais eficientes. A masturbação ajuda a estabelecer um treino eficiente da resistência até que se atinja o orgasmo. é claro que essa masturbação é com a técnica correta.

Ou seja, quanto menor for a velocidade referente ao ato, muito maior poderá ser o tempo do ápice durante o sexo. E isso é trabalhado com a identificação que chamamos de Ponto de Não Retorno.

Como resultado, o autoconhecimento será extremamente importante para que o paciente tenha uma vida sexual mais feliz.

  • Saber lidar com o estresse:

O estresse é um dos sintomas mais marcantes da nossa atual vida moderna. E, ele também é um dos principais causadores da ejaculação precoce.  

O principal motivo disso é porque a ansiedade, que tende a se manifestar quando há exaustão física e mental.  Como resultado, há uma limitação do prazer e ausência de interessante em prolongar o tempo da relação sexual.

Com a terapia, será possível compreender qual pode ser o motivo principal do seu quadro de estresse. Isso poderá lhe ajudar a evitar conflitos profissionais, preocupações familiares, desentendimentos, e outros fatores.

A importância de fazer terapia sexual!

A terapia sexual é uma grande e importante aliada diante da ejaculação precoce. Afinal, trata-se de uma técnica que visa recorrer ao uso de métodos da área da psicoterapia.

Seu principal trunfo está diretamente associado em promover ações que permitam entender a causa do problema.

Ou seja, a terapia sexual permite ir ao encontro de possíveis soluções que estejam resultando em conflitos sexuais. E, um deles, é lidar com um quadro de ejaculação precoce.

Além disso, o tratamento é bastante indicado tanto para atendimento individual, inclusive muitos homens seguem o tratamento sem que suas parcerias saibam, porém também pode ser feito com o casal junto.

Com isso, a interação poderá ser maior, elevando as perspectivas de uma melhora no relacionamento e mais cumplicidade!

Diante de todos esses aspectos, o tratamento da ejaculação precoce depende de um bom aprimoramento. Por isso, a busca pela terapia sexual é de fato, um passo extremamente importante.

Tempo não é motivo para não fazer a terapia sexual!

Em um primeiro momento, grande parte das pessoas pode achar que não podem dedicar tempo para esse tipo de tratamento. Mas, nos dias atuais esse motivo não é mais necessário.

Até porque a tecnologia favorece também esse tipo de tratamento nos dias atuais. Para tanto, a melhor medida é correr a uma terapia sexual online!

Ou seja, será possível dar o primeiro passo para resolver a ejaculação precoce sem sair de casa! Por meio do atendimento por vídeo, será possível sanar dúvidas e até mesmo solucionar problemas.

Isso permite maior liberdade para administrar seu tempo e até mesmo é pertinente para quem se sente inibido em expor o seu problema.

O fato é que muitos homens têm receio de buscar ajuda por sentirem vergonha ou insegurança diante de um quadro de ejaculação precoce. Nesse caso, a terapia online acaba sendo uma forma de contornar esses fatores.

Isso sem contar que os atendimentos podem ser feitos da sua casa, com mais conforto e comodidade. Os horários também são mais flexíveis, o que é também um ponto extremamente positivo.

E, não se preocupe, o atendimento online é tão eficiente quanto o presencial. Independente do caminho escolhido, você estará dando um passo importante enfrentar o problema!

Dicas para evitar a ejaculação precoce

Não há realmente nenhum método exato para evitar a ejaculação precoce, mas algumas dicas podem te ajudar:

  • Manter relações sexuais saudáveis e sem pressa;
  • Ter confiança e boa comunicação com o seu parceiro;
  • Mudar de ritmo durante a relação sexual;
  • Entender que preliminar já é sexo, e fazer sem pressa;
  • Fazer exercício regular, ter uma dieta equilibrada e evitar o consumo de tabaco e álcool;
  • Os problemas de estresse, ansiedade ou depressão devem ser tratados adequadamente, porque eles podem ser a causa da ejaculação precoce;
  • Evitar hábitos de masturbação ruins para tentar chegar ao orgasmo o mais rápido possível.

Quanto mais dicas melhor! – Use e abuse das posições

Que tal usar as posições sexuais a favor do seu prazer? Aliás, isso já deveria ser um entendimento comum – porém, muitos acham que as posições precisam seguir um padrão ou uma regra.

O fato é que a posição sexual pode ajudar a entender como não gozar rápido, sabia? Nesse caso, quando perceber que as coisas estão realmente ficando quentes, pode ser interessante tentar mudar para uma posição que não gere muito estímulo.

Mas, Débora, como assim? Calma que eu vou explicar melhor! – a sugestão é que você prefira posições na hora do sexo que ajudem a controlar seu nível de excitação.

Por exemplo, muitos homens tendem a ficar muito estimulados com a posição onde sua parceira fica de quatro. Isso não quer dizer que você não deva se render mais à essas posições, mas evitá-las, ao menos, inicialmente!

Deixe as posições que vocês dois mais gostam para os momentos finais da transa!

Claro, invista nas preliminares!

Não é de hoje que eu sempre deixo claro como as preliminares são importantes! Aliás, isso vale para o prazer do casal de uma maneira geral!

É importante lembrar que as mulheres tendem a demorar um pouco mais do que os homens a “esquentarem” na cama. Por isso, dedicar bastante atenção no momento das  preliminares poderá garantir um sexo prazeroso para ambos.

As preliminares no homem também são fundamentais para que você controle melhor sua excitação, principalmente quando isso envolve a respiração certa – como de costume, é bom reforçar que o sexo é realmente troca! Os dois juntos poderão aprender sobre sua excitação, ritmo, prazer e muito mais!

Treinar é preciso! E, isso é ótimo!

Muitas coisas em nossa vida exigem treinamento e, nem sempre ficamos muito animados com isso, não é mesmo? Mas, quando pensamos que o sexo também exige isso, tudo fica mais interessante.

Sexo é conhecimento, não há outra maneira de se conhecer e conhecer a pessoa que está conosco. É somente na prática e cuidado aos detalhes que poderemos compreender o que faz o outro sentir prazer – e entender o que nos dá prazer também!

E treinar não consiste no ato sexual em si. Na verdade, treinar fora da cama com a masturbação e exercícios diversos pode ser extremamente importante, sabia?

Uma boa sugestão é conhecer o meu curso de Potência Masculina! Aliás, os exercícios do pompoarismo ajudam a promover o fortalecimento e ainda controle dos músculos genitais. Ou seja, eles poderão lhe ajudar a aumentar o prazer.

Pompoarismo Masculino

Tanto no meu curso como também no E-Book “Pompoarismo Masculino” você poderá se aprofundar sobre os benefícios, diferenciais da ginástica pélvica e região genital e ainda conhecer melhor os exercícios mais recomendados  para  saber como não gozar rápido e ter uma vida sexual ainda mais satisfatória!

Usar preservativo

Parece simples demais para ser verdade, mas ele funciona para vários homens. Preservativos ajuda a reduzir a estimulação para a maioria dos homens, o que deve prolongar o tempo antes da ejaculação.

Alguns preservativos são revestidas com um gel anestésico leve no interior. Isso pode ajudá-lo a adiar a ejaculação por mais tempo, sem causar dormência ao seu parceiro. Apenas certifique-se que você sabe qual é o lado onde quando você colocá-lo.

Mude a posição durante a relação sexual

Caso geralmente fique por cima, mude de lugar com a parceira, permitindo que ela saia mais facilmente se o homem estiver prestes a ejacular. Penetre-a novamente assim que a vontade de ejacular passar.

Comunique

Explique os seus receios à sua parceira. Comunicar a sua ansiedade é também positivo, quer seja com a sua parceira, com amigos ou com um terapeuta. Falar sobre os seus problemas trará-lhe-á uma sensação de alívio e ajudará a lidar mais facilmente com a ansiedade associada ao sexo.

A respiração pode ser a chave para entender como não gozar rápido

Muitos exercícios podem ajudar a entender como não gozar rápido, mas, isso somente faz sentido quando entendemos um ponto extremamente importante: a respiração!

O controle da respiração pode ser muito eficiente para lidar com uma possível ejaculação precoce. Afinal, é bem comum que durante o sexo, principalmente quando as coisas ficam mais quentes, fiquemos ofegantes.

E, quanto maior for o grau de excitação, mais rápida tende a ficar a nossa respiração! Mas, o que muitas pessoas não sabem é que quando a respiração fica acelerada, isso também impacta diretamente a circulação de sangue.

Com a circulação sanguínea também mais rápida, você poderá chegar ao orgasmo antes do previsto (ou do desejado). Por isso, cuidar da respiração é algo que faz total sentido, concorda?

Portanto, a dica é bem simples e fácil de ser feita! – quando você perceber que está bem excitado, ou seja, prestes a gozar, prenda sua respiração e vá soltando o ar aos poucos.

Para ficar mais claro, esse movimento é igual quando você está respirando mais fundo, mas, tendo o cuidado de fazer isso em uma velocidade menor ainda. Isso ajudará a diminuir a sua excitação e fazer você perceber como não gozar rápido demais!

Dica extra: esse exercício de respiração pode também ser feito durante a masturbação, sabia? Isso poderá ser bem importante para que você vá treinando seu cérebro, de maneira a reduzir o ritmo do seu nível de excitação durante o sexo.

Recomendações

* Não se acanhe se tiver ejaculação precoce e procure a ajuda de um especialista para resolver o problema. A terapia sexual costuma dar bons resultados;

* Esteja aberto para o tratamento psicoterápico. Além de ajudar a resolver a causa do problema, ele envolve a participação da companheira, o que repercute na melhora do relacionamento;

* Saiba que o orgasmo simultâneo é raro. O que importa, realmente, é que os parceiros se satisfaçam com a relação sexual, cada um a sua maneira e no seu tempo;

* Considere a conveniência do uso prolongado dos antidepressivos, pois o problema costuma voltar, quando o tratamento é suspenso.

Todas essas dicas são essenciais para uma vida sexual saudável e acabar de vez com a Ejaculação Precoce.

Veja também:

6 respostas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Abrir
precisa de ajuda?