fbpx

Como fazer sexo anal? Dicas para um sexo sem dor e prazeroso

Saber como fazer sexo anal é uma dúvida sempre presente na vida de muitas mulheres. Sim! Quem afirmar que ele pode ser muito prazeroso não está nem de longe errado, mas, mesmo assim o receio de sentir dor e desconforto é um dos motivos que fazem grande parte das pessoas afastar essa ideia da cabeça.

Além de existir um grande tabu em torno desse assunto, as dúvidas e questionamentos são sempre muito marcantes. Por outro lado, uma boa dose de informações e conhecimento poderá mudar totalmente seu ponto de vista, sabia?

E, vamos combinar? Não vivenciar todo o prazer que o sexo anal pode proporcionar por medo ou falta de conhecimento não é nem um pouco justo. Ainda mais quando essa é uma vontade presente e a curiosidade não sai de sua mente.

Nesse caso, é até mesmo válido fazermos um ponto de reflexão aqui – por que não? Afinal, sexo deve envolver desprendimento, diversidade, multiplicidade e, claro, vontade! E, se a ideia é dar uma apimentada na relação, explorar novas possibilidades pode ser uma experiência e tanto!

Aliás, antes de seguir adiante, lembre-se que o que deve sempre prevalecer é a sua vontade. Ou seja, o sexo anal não deve ser jamais considerado diante de uma pressão e, sim, porque esse é o seu desejo. Lembre-se que é o seu corpo, portanto, suas regras!

Mas, se o interesse e a curiosidade estão tão presentes, talvez já esteja na hora de vivenciar todo esse prazer. Por isso, confira dicas para ter um momento prazeroso, satisfatório e inesquecível – e, sem dor!

Como fazer sexo anal sem dor: Eu te conto!

Se você já tem convicção que vale à pena viver essa experiência, então falta muito pouco para vivê-la. Simples assim! O primeiro mandamento no sexo é fazer tudo que se queira, levando em conta seus limites, desejos e, acima de tudo, respeito.

Como fazer sexo anal

Portanto, querer já é o suficiente para que você saiba como fazer sexo anal. Mas, se o seu medo é sentir dor ou desconforto, saiba que algumas dicas podem ajudar e até mesmo mostrar exatamente por onde começar!

Medo? Coloque ele de lado!

O medo pode nos colocar em uma situação de paralisia e, isso pode ocorrer em muitos momentos diferentes do nosso cotidiano. No caso do sexo, isso não é diferente. Deixar o medo e a insegurança de lado é algo importante para entender na prática com fazer sexo anal.

Portanto, questione-se se essa é realmente a sua vontade ou se está sentindo algum tipo de pressão dentro da relação. O desejo de querer experimentar o sexo anal é fundamental para evitar o desconforto e proporcionar o prazer desejado.

Já pensou em treinar?

Pode parecer estranho, mas eu garanto que não é! Treinar por conta própria poderá lhe dar mais segurança no momento de saber na prática como fazer sexo anal, sabia? E, isso pode ser feito até mesmo no banho, onde há mais liberdade e individualidade para explorar seu corpo. Ou seja, a dica aqui é se masturbar.

Uma sugestão que pode fazer diferença é estar com as unhas curtas e também usar um lubrificante nos dedos. Você também pode começar experimentar usar a ponta dos dedos e avançar conforme sente um maior relaxamento. Vá testando sobre como se sente, as contrações do ânus, e outros. Nada de pressa, aproveite o seu momento!

A penetração deve ser aos poucos

Quando se fala em como fazer sexo anal sem dor, o ideal é entender como funciona a penetração, principalmente em uma região pouco explorada. Aqui a regra é ter paciência.

  • Primeiro – Comece com carícias na região externa ao ânus. Com o dedo ou até mesmo com a língua é preciso acariciar do lado de fora para que o movimento não seja de surpresa.

curso de pompoarismo feminino debora martins

  • Segundo – Introduza apenas um dedo. Com muita calma, peça para a parceria colocar um dedo bem devagar e aos poucos fazer o movimento de penetração.
  • Terceiro – No outro dia faça os mesmos movimentos anteriores, só que agora tentando com dois dedos. Também sem pressa.
  • Quarto – Depois que o ânus já estiver mais acostumado com a penetração, aí sim é possível tentar com o pênis, mas também de maneira lenta. O ideal é penetrar bem aos poucos, sem fazer movimentos acelerados, assim a musculatura vai relaxando a penetração vai ficando cada vez mais prazerosa para ambos.

Preliminares para que te quero!

Na verdade, as preliminares são indispensáveis no sexo em si! Mas, a região anal, diferente do que muitas pessoas acham, pode não apenas ser estimulada como proporcionar bastante prazer. Boas opções são o beijo grego, que ajuda a preparar para o momento da penetração. A língua é uma aliada, pois contribui para um maior relaxamento do esfíncter e permite preparo na hora de saber na prática como fazer sexo anal.

Não economize no lubrificante

Mesmo que você siga a dica anterior, o lubrificante é sempre um aliado para saber como fazer sexo anal. Isso é ainda mais importante para quem nunca experimentou ou iniciantes que ainda tenham dificuldades em sentir prazer com a prática.

O gel permite diminuir o atrito provocado pelo pênis e garante que ele deslize mais facilmente – e, sem acarretar dor! Lembre-se que o ânus não é capaz de ter um processo de lubrificação natural, por isso, o lubrificante é sempre uma boa pedida.

Aqui a dica indispensável é um lubrificante à base de água e sem anestésico. A base de água é pelo fato de ele ser compatível com o latex da camisinha e sem anestésico é pelo motivo de a anestesia prejudicar o sexo anal, diminuindo a sensibilidade e perdendo a referência da sensibilidade.

Um teste de diferentes posições

Se a ideia é realmente saber como fazer sexo anal, saiba que a prática leva à perfeição! Se você sente certa apreensão, procure ficar em uma posição que lhe maior controle. Isso permitirá que você simplesmente possa ditar o ritmo da penetração e proporcionar mais segurança e conforto durante o ato.

No mais, testar várias posições é sempre uma excelente ideia, independente do sexo em questão. Mas, se tratando da primeira vez do sexo anal, isso faz toda a diferença sim! Uma sugestão é até mesmo apostar na posição cavalgada (também conhecida por cowgirl). Isso permitirá que você consiga determinar a velocidade e também profundidade na penetração.

Independente da dica, o diálogo deve ser protagonista!

Bom, todas as dicas que citei até aqui são fundamentais para eu você descubra como fazer sexo anal de maneira prazerosa e sem dor. Mas, todas elas somente fazem sentido quando o diálogo é protagonista na relação.

O diálogo deve ocorrer não somente antes do sexo anal, mas também depois. É fundamental anular a vergonha ou insegurança e expor seus principais sentimentos e até mesmo conflitos sobre a prática.

terapia sexual debora martins

Além disso, durante o sexo é importante que vocês estabeleçam uma comunicação sincera, até mesmo para que você não sinta dor. Após o sexo, pode ser importante que vocês conversem sobre como foi à experiência e até mesmo o que pode ser feito de diferente em uma próxima vez!

Afinal, dialogar pode ajudar o casal a evoluir e saber como buscar cada vez mais prazer – juntos! Saber como fazer sexo anal requer desejo, respeito e entrega e, quando isso é baseado em uma boa comunicação, o resultado é sempre o melhor possível!

Veja também:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *